IAM avalia saúde das árvores antigas e de reconhecido valor

   
Data de Publicação: 13/11/2019

        O Instituto para os Assuntos Municipais (IAM) está a lançar uma avaliação de saúde às árvores que constam na Lista de Salvaguarda de Árvores Antigas e de Reconhecido Valor, com o objectivo de preservar, de forma melhorada, as árvores antigas e proteger a segurança pública. O Instituto também convidou especialistas do Guangzhou Institute of Forestry and Landscape Architecture a virem a Macau, para procederem a um intercâmbio sobre os trabalhos de preservação das árvores antigas e fornecerem uma proposta para a recuperação da sua resistência.

         Na presente Lista de Salvaguarda de Árvores Antigas e de Reconhecido Valor constam mais de 500 árvores, abrangendo principalmente espaços públicos de bairros do território. O Instituto está a proceder, entre Outubro e Dezembro, a uma avaliação de saúde às referidas árvores, encontrando-se já concluída a avaliação de mais de 400 árvores. A avaliação consiste na monitorização, por meio de aparelhos, dos seus troncos e do solo, a fim de apurar a sua situação física a vários níveis. O Instituto continuará a concluir a avaliação das restantes árvores e também a efectuar a protecção, restauração e preservação das árvores antigas, de acordo com os registos de avaliação.

         O Instituto também convidou especialistas do Guangzhou Institute of Forestry and Landscape Architecture a virem a Macau para procederem a uma discussão e intercâmbio sobre os trabalhos de preservação das árvores antigas, e para que estes avaliem e analisem profundamente o seu estado físico e forneçam uma proposta para a recuperação da resistência da parte destas árvores. Além disso, o IAM também irá providenciar aos trabalhadores do IAM cursos de formação relacionados com árvores antigas, com vista a elevar a sua capacidade de gestão de árvores e optimizar, de forma constante, os trabalhos de preservação de árvores antigas.